A Jornada de Jung - Henrique Vieira Filho
Promoção!

Psicoterapia Junguiana – Imaginação Ativa e Dirigida – Via Internet

R$1.700,00 R$980,00

A “Psicoterapia Analítica”, ou “Psicanálise Junguiana”, ou “Psicoterapia Junguiana”  tem como meta a INDIVIDUAÇÃO, um caminho único e diferente para cada pessoa, de ampliação do autoconhecimento, em que se busca compreender e despertar todo seu potencial interior, descobrir e seguir a sua missão de vida, ou seja, tornar-se a “si mesmo”, pleno, viver o seu “eu verdadeiro”.

Nesta proposta, se estabelece um “diálogo” cada vez mais amplo e profundo entre seu consciente e sua “voz interior”, aprendendo a decifrar a linguagem universal com a qual o SELF (nosso eu mais profundo, total, “si mesmo”) se comunica com o EGO (nosso “eu” consciente), que são os SONHOS e a IMAGINAÇÃO.

Além da clássica escuta terapêutica psicanalítica, as sessões de terapia junguiana incluem INTERPRETAÇÃO DE SONHOS e exercícios de IMAGINAÇÃO ATIVA e/ou DIRIGIDA. 

Este Curso também inclui introdução à Fotopsicoterapia, que utiliza a fotografia como meio focal para a imaginação dirigida, com ótimos resultados.

Docente: Henrique Vieira Filho

Descrição

Curso LIVRE de Psicoterapia Junguiana

Com Ênfase Na Imaginação Ativa e Dirigida

Este curso classifica-se como LIVRE, ou seja, sem nenhuma vinculação ao MEC ou seus prepostos.

Carga horária: 300 horas/aulas/trabalhos, distribuídas em 6 meses

Módulo Básico – com Certificado de Conclusão aos aprovados

 

Conteúdo curricular e estimativa de distribuição da carga horária:

Módulo Básico:

MATÉRIAS HORAS/AULAS
Introdução ao Paradigma Holístico – Módulos Essenciais 16
História da Terapia Holística – Módulos Essenciais 8
Psicoterapia Holística – Módulos Essenciais 48
NTSV e Legislação – Módulos Essenciais 24
Abordagem Holística do Cliente – Módulos Essenciais 8
Técnicas Terapêuticas Comparadas – Módulos Essenciais 32
Correntes Psicanalíticas: Freud, Reich e Jung 72
Adaptações de Técnicas Psicanalíticas à Terapia Holística 32
Imaginação Ativa e Dirigida Na Prática 60
CARGA HORÁRIA TOTAL: 300

 

Carl Gustav Jung é considerado um dos maiores pensadores da humanidade. 

Discípulo de Sigmund Freud, divergiu do Pai da Psicanálise e desenvolveu teoria própria, à qual, para diferenciar, nominou de Psicologia Analítica, termo este desaconselhável no Brasil, visto que, em nosso país, o termo “psicologia” é definido por lei como sendo o nome de uma profissão específica… Para evitar controvérsias legais e didáticas, optamos pelas versões “Psicoterapia Analítica”, “Psicanálise Junguiana” e “Psicoterapia Junguiana” para designar esta linha terapêutica.

A meta é a INDIVIDUAÇÃO, um caminho único e diferente para cada pessoa, de ampliação do autoconhecimento, em que se busca compreender e despertar todo seu potencial interior, descobrir e seguir a sua missão de vida, ou seja, tornar-se a “si mesmo”, pleno, viver o seu “eu verdadeiro”.

Nesta proposta, se estabelece um “diálogo” cada vez mais amplo e profundo entre seu consciente e sua “voz interior”, aprendendo a decifrar a linguagem universal com a qual o SELF (nosso eu mais profundo, total, “si mesmo”) se comunica com o EGO (nosso “eu” consciente), que são os SONHOS e a IMAGINAÇÃO.

Além da clássica escuta terapêutica psicanalítica, as sessões de terapia junguiana incluem INTERPRETAÇÃO DE SONHOS e exercícios de IMAGINAÇÃO ATIVA e/ou DIRIGIDA.

Direcionamos o Cliente a que descanse a racionalidade, abstenha-se de julgar e permita o fluir livre da imaginação, seja por meio de técnicas de relaxamento ou atividades lúdicas (arte, jogos…) e, nesse estado, revisitar e ampliar os sonhos e/ou criar histórias (“sonhar acordado”). Neste processo, passa a ocorrer INSIGHTS: compreensão “instantânea” de fatos, acontecimentos, sentimentos, caminhos a seguir, de modo compreensível ao EGO

O relaxamento pode ser induzido verbalmente (à semelhança de métodos hipnóticos) e meios físicos, tais como técnicas de toque (reflexoterapia, calatonia, etc), música, luz e som ambiente. etc… Os exercícios imaginativos utilizam recursos lúdicos, que remetam a “brincadeiras” (uma forma eficaz de driblar a resistência do racional…), tais como a Arteterapia (pintura, desenho, fotografia…) e “jogos”, como o Sandplay  (caixa de areia e miniaturas  de pessoas e objetos variados, usados para “contar” uma história…), “sorteios” de padrões arquetípicos (tarô, I Ching, baralhos mitológicos…). 

Nos últimos anos, incluí a Fotopsicoterapia, que utiliza a fotografia como meio focal para a imaginação dirigida, com ótimos resultados.

Docente: Henrique Vieira Filho

 

Planejamento – Conteúdo programático

Módulos Essenciais – Obs.: Participação e Aprovação Obrigatória e Eliminatória

  • Introdução ao Paradigma Holístico – histórico; definição; comparação entre o paradigma cartesiano e o holístico; a visão holística aplicada à qualidade de vida, à saúde, à educação e à empresa – esta disciplina objetiva atualizar o aluno perante as correntes atuais de pensamento, às quais resgatam a visão milenar de universo inter-relacionado e as aplicam às ciências atuais.
  • Psicoterapia Holística – introdução; “behaviorismo”; psicanálise; psicoterapia humanista; psicoterapia transpessoal; técnicas de aconselhamento; psicoterapia moderna e terapias milenares – esta disciplina objetiva um melhor preparo ao Terapeuta Holístico em seu relacionamento com o Cliente, auxiliando este por meio de técnicas de aconselhamento que visem o autoconhecimento;
  • NTSV e Legislação Profissional – análise das Normas Técnicas Setoriais Voluntárias da Terapia Holística; avaliação dos atuais textos legais referentes ao exercício profissional; direitos e deveres como cidadão; como montar um consultório; questões contábeis: inscrição como autônomo, abertura de firma e registro via CLT – esta disciplina objetiva um maior preparo do Terapeuta Holístico ao exercício de sua profissão, bem como à sua cidadania;
  • Abordagem Holística do Cliente – A abordagem do cliente nas diferentes linhas terapêuticas; a concepção holográfica do complexo corpo/mente/universo – esta disciplina objetiva fornecer ao discente uma compreensão maior do funcionamento psicobiofísico de seu cliente, no paradigma energético, em contraponto à visão convencional,;
  • Técnicas Terapêuticas Comparadas – introdução básica às técnicas terapêuticas mais usadas no Brasil e no mundo; o uso integrado de várias técnicas no atendimento individual, em grupo e na empresa – esta disciplina objetiva inteirar o discente sobre a vasta gama das especialidades terapêuticas, auxiliando-o na escolha das mais adeqüadas para cada caso, bem como a trabalhar com várias delas integradas num mesmo objetivo final;
  • História da Terapia Holística – a definição do Terapeuta Holístico no Brasil; origem e reconhecimento mundial; o movimento da Contra-Cultura e a elitização das Terapias; a situação no Brasil – esta disciplina objetiva situar o Terapeuta Holístico em seu papel histórico/cultural bem como à maior compreensão da importância atual do exercício de sua profissão para a sociedade;
  • Psicoterapia Holística – introdução; histórico; análise das principais técnicas psicoterápicas – orientais e ocidentais; psicoterapia, terapias “alternativas” e medicina oficial; as tradições milenares e as modernas psicoterapias; terapias reichiana e neo-reichianas; bioenergética; neurolinguística; calatonia; psicoterapia aplicada – esta disciplina objetiva preparar o Terapeuta Holístico para uma profunda compreensão da técnica, bem como à sua prática, inclusive associada a outros métodos terapêuticos;

Disciplinas Específicas do Curso de Psicoterapia Junguiana – Obs.: Participação e Aprovação Obrigatória e Eliminatória

  • Conceituação de Individuação, Ego, Self, Inconsciente Individual e Coletivo, Persona, Sombra, Animus, Anima, Arquétipo, Complexo, Constelar, Sincronicidade,  Insights, Função Transcendente;
  • Adaptações de Técnicas Psicanalíticas à Terapia Holística – Bem fundamentado nas técnicas de Aconselhamento, o Terapeuta Holístico mais facilmente pode diversificar, acrescentando outras formas de Psicoterapia ao seu currículo, tais como a Psicanálise Freudiana, Reichiana e Junguiana e a Terapia Transpessoal, que são fundamentos paras vários recursos em nossa profissão, tais como as técnicas de regressão, progressão, vivências, leitura corporal, etc….
  • Estudo vivencial de imaginação ativa e dirigida
  • Análise de Sonhos
  • Introdução à Fotopsicoterapia

Metodologia Prevista

A Comunidade de Estudos Avançados em Terapia Holística, dentre outros recursos, disporá em seu Módulo Básico, de aulas e provas SEMANAIS via Internet (distribuídas de junho a setembro deste ano), incluindo textos para estudos e consulta, questionários, tarefas e provas.

As aulas teóricas conterão textos próprios e/ou recursos áudio-visuais via Internet (salas de “bate-papo”, vídeos, “e-books”, etc.), além da recomendação de leituras extra-classe destacadas dentre a bibliografia recomendada, sendo que alguns livros didáticos serão destacados como necessários para o acompanhamento das aulas;

Ênfase à descrição de casos como forma de apreender o conteúdo teórico e preparar para a prática;

Supervisão via Internet (“e-mail”, sala de “bate-papo”, fórum “online” e similares) como forma de introduzir o Terapeuta Holístico no trabalho prático, aumentar a autoconfiança e de melhor avaliar seu aprendizado.

 

Corpo Docente: Henrique Vieira Filho

 

Seleção de Matrícula para Corpo Discente

Requisito básico

Ter quitado o investimento, 2º grau completo e idade acima de 18 anos, podendo haver exceções, a critério da organização.

Requisitos técnicos

Computador com Windows 2000, XP, Vista ou superior e facilidade em instalar programas e utilizar-se de comunicadores online e webcam

Conexão banda-larga à Internet e facilidade em navegação em websites

Webcam e filmadora digital

Placa de som

Caixa de som ou fone de ouvido

Microfone (em caso de conferências de áudio)

Endereço eletrônico (e-mail)

 

Dispensa de Matérias e Módulo:

Não haverá dispensa de matérias e/ou módulos.

 

Avaliação VIA INTERNET

Por meio de provas (questionários disponibilizados na Internet e até mesmo, “ao vivo”, via salas de “chat” e similares, além das provas e práticas presenciais via internet), e trabalhos escritos (remetidos exclusivamente por meio de arquivo de computador), individuais e/ou em grupo, além do desempenho na supervisão, sendo a avaliação a critério exclusivo do corpo docente.

A nota média pretendida é 07 (sete), de um total possível de 10 (dez), sendo que para os que não a atingirem, será feito convite a refazer o curso, participando da próxima turma. Será exigido dos discentes uma freqüência mínima de 75% às aulas presenciais semanais, via Internet.

 

Material didático adotado

O valor do investimento à vista custeia todo o material didático, que será em formato digital (PDF e E-Pub), acessível em computadores, smartphones e tablets.

Bibliografia recomendada

ANDRADE, Cássia R.X. “Educação Biocêntrica: vivenciando o desenvolvimento organizacional”- Fortaleza: Banco do Nordeste,2003

AKERET, Robert U. – Photoanalysis: how to interpret the hidden psychological meaning of personal and public photograph. New York: Wyden, 1973.

AKERET, Robert U. – Photolanguage: How Photos Reveal the Fascinating Stories of Our Lives and Relationships. New York: 2000

BAPTISTE, Alain e BÉLISLE, Claire. Dossie Photolangage – Prévention et Santé, Ed. Organisation, França, 1994

BÉLISLE, Claire. Le Photolangage – Communiquer En Groupe Avec Des Photographies, Chronique Sociale, França, 2014

BURGESS, Mark; ENZLE, Michael E.; MORRY, Marian – The social psychological power of photography: can the image-freezing machinemake something of nothing?. Canada: John Wiley & Sons, Ltd., 2000

CAMPBELL, Joseph. As Transformações dos Mitos Através do Tempo. São Paulo: Cultrix, 1992.

CAMPBELL, Joseph. O Herói de Mil Faces. São Paulo: Cultrix, 1992

CAMPBELL, Joseph. As Máscaras de Deus – Mitologia Primitiva. São Paulo: Palas Athena, 2004.

CAMPBELL, Joseph. Mitos, Sonhos e Religião. São Paulo: Ediouro, 2001.

CAMPBELL, Joseph. As Transformações dos Mitos Através do Tempo. São Paulo: Cultrix, 1992.

CAVALCANTE, Ruth. A Educação Biocêntrica – Dialogando No Círculo De Cultura; Revista Pensamento Biocêntrico; Pelotas,2008

CHEVALIER, Jean – Dictionnaire des Symboles. Paris, Éd. Robert Laffont S.A. e Ed. Júpiter, 1982.

DIAMOND,  Hugh  W.  – The Face of Madness: Hugh W. Diamond and the origin of psychiatric photography. Brunner/Mazel: New York, 1976.

DIAMOND, Hugh W. – On the Application of Photography to the Physiog-nimic and Mental Phenomena of Insanity  (lido  ante  a  Royal  Society  em  22 de maio de 1856) em GILMAN, Sander L. The Face of Madness: Hugh Diamond  and  the  Origin  of  the  Psychiatric  Photograph.  Brunner/Mazel  Publishers, New yourk, p.19-24, 1977.

DIAMOND, Hugh W. On The Simplicity of the Catotype Process em Notes and Queries vol. 8 (17 Dec), p.597, 1953.

DIDI–HUBBERMAN. Georges, Invención de L’Hiysterie: Charcot et L’iconographie Photographique da la Salpêtriére, Macula, Paris, 1982

GIL, Cláudia Aranha. A Oficina De Cartas, Fotografias E Lembranças Como Intervenção Psicoterapêutica Grupal Com Idosos; Tese: USP, São Paulo, 2010.

GILMAN,  Sander  L.  Disease and Representation: Images of Illness from Madness to Aids. Cornell University Press, Ithaca and London, 1988.

GILMAN,  Sander  L.  The Face of Madness: Hugh Diamond and the Origin of the Psychiatric Photograph. Brunner/Mazel Publishers, New York, 1977.

GONÇALVES, Tatiana Fecchio da Cunha, A fotografia psiquiátrica no século XIX: Hugh W Diamond

HALKOLA, Ulla. Spectro Cards In Therapy And Counselling – A Guide For Using Photo Cards – Turku, Finlândia, 2011

HALL, James A. -A Experiência Junguiana. São Paulo, Cultrix, 1989.

HEDGES, LAWRENCE E.; HILTON, ROBERT e HILTON, VIRGINIA W. – Terapeutas em Risco – Perigos da Intimidade na Relação Terapêutica, Summus Ed., 1997.

JACOBI, Jolande – Complexo – Arquétipo – Símbolo. São Paulo, Cultrix, 1986.

JUNG, C. G. – Livro Vermelho. São Paulo, Martins Fontes, 2015.

JUNG, C. G. – Psicologia e Alquimia. São Paulo, Vozes, 1991

JUNG, C. G. – Obra completa de C. G. Jung: Caixa (Português). São Paulo, Vozes, 2011

LEXIKON, Herder – Dicionário de Símbolos. São Paulo, Cultrix, 1992.

MARKEY; Christopher- Yin-Yang. S. Paulo, Cultrix, 1987.

MASPERO, Henry – Le Taoisme et les Religions Chinoises. Paris, Ed. Gallimard.

MIYUKI, Mokusen – Versão e comentários – A Doutrina da Flor de Ouro. 5. Paulo, Pensamento, 1990.

MILGRAM, Stanley, The Image-Freezing Machine. In The Individual in a Social World: Essays and experiments, Addison-Wesley: Reading, MA, 1977

MILGRAM, Stanley, The Individual in a Social World: Essays and Experiments, Pinter & Martin Ltd., England, 2009

MORISON,  Alexander.  The Physiognomy of Mental Diseases  (1958)  em  Classics  in  Psychiatry,  advisory  editor  Eric  T.  Carlson.  New  York:  Arno  Press, New York Times Company, 1976.

NATOLI, Adan.  Using Ambiguous Images to Clarify Life Situations, Psychology Department, Rider University, 2012

PEARSON, Carol S. e MARK, Margaret. O Herói e o Fora da Lei, São Paulo, Cultrix, 2003

PEARSON, Carol S. O Despertar Do Herói Interior, São Paulo, Cultrix, 2003

SANTOS JÚNIOR, Paulo Sérgio. A Fotografia Na Psicologia: Metassíntese De Teses E Dissertações Brasileiras, Universidade Federal de Alagoas, 2018

SCHMIDT NETO, Álvaro A. A fotolinguagem como metodologia transdisciplinar. In: (Org.). Resiliência, criatividade e inovação: potencialidades transdisciplinares na Educação.Anápolis: Editora UEG, 2013

SONTAG, Susan. On Photography. Anchor Books: New York, 1990

TABONE, Márcia – A Psicologia Transpessoal. São Paulo, Cultrix, 1987.

VACHERET, Claudine. (org) Photo, Groupe et soin Psychique. Lyon: PUL, 2000

VACHERET, Claudine. (org.). Pratiquer les médiations en groupes thérapeutiques. Paris: Dunod, 2002.

VACHERET, Claudine. A Fotolinguagem: Um Método Grupal Com Perspectiva Terapêutica ou Formativa. São Paulo. Psicologia. Teoria e Prática, v. 10, 2008.

VIEIRA FILHO, HENRIQUE – O Microcosmo Sagrado. São Paulo, Lumina Editorial, 1998.

VIEIRA FILHO, HENRIQUE – Tutorial Terapia Holística. São Paulo, Sintebooks, 2002.

VIEIRA FILHO, HENRIQUE – Marketing Para Consultórios de Terapia Holística. São Paulo, Sintebooks, 2003.

VIEIRA FILHO, HENRIQUE – Psicoterapia Holística – um Caminho Para Si Mesmo, São Paulo, Livroteca, 2019.

WEIL, PIERRE – Holística: Uma Nova Visão e Abordagem do Real – Ed. Palas Athenas, São Paulo, 1990.

WHITMONT; Edward C. – A Busca do Símbolo. São Paulo, Cultrix, 1990.

Curso De Psicoterapia Holística - Via Internet
  • Editor Rating
  • Rated stars
  • 0%

  • Curso De Psicoterapia Holística - Via Internet
  • Reviewed by:
  • Published on:
  • Last modified: 19/07/2020

A Psicoterapia é parte integrante do atendimento na Terapia Holística. Aprenderemos técnicas básicas de Aconselhamento e correntes básicas da psicanálise. Estudo vivencial do Livro Vermelho, com prática de imaginação ativa e dirigida

Também pode gostar…